Escolhidos para você

4 posts encontrados na tag Mario Kart

E aí pessoal, tudo bem? Já baixaram e estão jogando o Mario Kart Tour? Ainda não? Então o que estão esperando, o jogo está muito bom e toda semana tem novidade. A mais recente delas é a vinda de Luigi para o game.

Desde o lançamento de Mario Kart Tour senti falta de Luigi no jogo. Aliás, todos os players praticamente sentiram ou notaram sua ausência na lista de seleção. Mas agora sabemos o qual proposital foi essa chegada tardia. Lógico, o game de Luigi está para ser lançado no Nintendo Switch e nada mais coerente do que aproveitar outro game para fazer o marketing.

Luigi´s Mansion 3 está batendo à porta e chega no dia 31 de outubro. Com isso, a Nintendo aproveitou e lançou a temporada do Luigi no Mario Kart Tour. Mas além dele, também vieram Baby Luigi, Waluigi e Rosalina numa versão especial de Halloween. Ou seja, estamos na temporada de Halloween no Mario Kart Tour.

Novos personagens, novas pistas

Todavia, o game, além desses novos personagens, também recebeu novas copas com novas pistas. A exemplo disso temos a pista do Luigi’s Mansion, a pista do Ghost Valley e a pista do Waluigi Pinball. Destas, a que mais gosto é a do Waluigi, por ter uma trilha sonora contagiante e ser frenética nas cores. Obviamente elas também contarão com suas variações R e X.

Inclusive, isto é um dos diferencias do Mario Kart Tour. As pistas possuem modo normal, mas também apresentam-se em modos R (Reversal) e X (X-treme). Na primeira ela está invertida, correndo-se de trás para frente. Já, na segunda, a pista recebe plataformas, rampas e boosts, o que a deixa mais radical ou X-treme. Pode-se ainda ter a combinação dos dois modos.

Mas antes que eu me esqueça, tivemos duas aparições fantasmagóricas no jogo. King Boo e King Boo de Luigi’s Mansion aparecem como personagens jogáveis. Sendo que o segundo é especial para essa temporada e só será possível pegá-lo agora no cano, bem como a Rosalina bruxinha.

Então aproveitem e venham conhecer o Mario Kart Tour nesse Halloween.

Olá pausadores, enfim Mario Kart Tour chegou e nós testamos o game assim que lançou. Agora, vou contar um pouco para vocês o que realmente achei do jogo. Finalmente pudemos sentir de verdade como é esta nova mecânica de dirigir um kart do Mario usando tela de toque. Pasmem! É muito estranho de início, mas é possível se acostumar, como qualquer outro jogo.

Mecânicas do jogo

Bom, antes de tudo, será preciso criar ou logar a sua conta Nintendo para utilizar o game. Assim que você acessa o app ele já lhe pede isto. Em seguida será hora de praticar. No meu caso, ao disparar o cano, veio o Toad. Então foi com ele que pratiquei.

De início estranhei fazer as curvas com o deslize do dedo para a esquerda e a direita. Entretanto, você pode selecionar nas configurações se quer fazer a curva de um jeito simples ou com derrapagem. Esta última lhe permite maior precisão no movimento, mas mesmo assim é preciso cuidado. Se deslizar demais o dedo a curva se fecha demais e você perde o traçado. Portanto, puxar apenas um pouco o dedo e aumentar ou diminuir de acordo com o que desejar é mais conveniente. Lembrando que não há como deslizar diretamente para o lado oposto, para corrigir é preciso tiarr o dedo da tela e tocar novamente.

A mecânica de disparar itens também não me agradou muito não. Você pena para ter um controle preciso do disparo e muitas vezes utiliza o item sem querer, apenas tocando na tela. Isso prejudica seu jogo, diminui as chances de combo por dano de item causado. Mas só com prática e prática para corrigir isso e pegar o jeito da coisa.

Enfim, uma vez que não se tem botão de aceleração, o desafio aumenta. Seu desempenho irá variar de acordo com o traçado de pista, controle sobre o carro nas curvas e aproveitamento tanto do turbo em derrapagem como os de saltos. Claro, o uso dos itens também.

Conexão e gráficos

De primeiro momento, os gráficos estão bons para um mobile game, não há como negar. Apesar de que notei algumas texturas e também designs um pouco estranhos, a exemplo do DK. Nada que prejudique a gameplay. Inclusive, a conexão é até que bem estável, não notei delay nem lag nas corridas.

Outra coisa importante, a qual eu já havia comentado em outro post a respeito, é de que não terá limite de corridas por gasto de energia, como se pensava. Portanto, poderá correr o quanto quiser. Seu nível irá aumentar ou diminuir de acordo com sua posição nas corridas. Além disso, sua pontuação é afetada por tipo de personagem, kart e planador utilizado, bem com desempenho na pista. Isto também afeta a quantidade de moedas que ganha.

Apenas a questão de rubis que é um pouco mais complicada. É preciso compra-los com dinheiro real para poder obter novos itens e personagens. Ou então, correr bastante durante a semana, obter uma boa posição no ranking e assim ganhar rubis.

Mas está muito bom mediante a proposta que trouxeram. Vejamos como o jogo se desenvolve a partir daí.

Boa noite, hoje falarei do Mario Kart Tour, que chegará em breve, direto no seu celular. Mario Kart Tour é a aposta de mais um jogo mobile por parte da Nintendo. Nele você terá as mais diversas funções da série Mario Kart, adaptadas para a versão mobile e poderá jogar a qualquer hora e em qualquer lugar.

Como funcionará

Até o momento, o que se sabe é basicamente mera especulação. Um vídeo de gameplay teria vazado na Internet, mostrando personagens, carros e pistas jogáveis. Incluindo aí também uma corrida inteira em uma clássica pista do Mario Kart do SNES.

Todavia, de fato é muito intrigante pensar como o jogo funcionará no celular. Digo isso porque, apesar de o Mario Kart não usar e abusar de todos os botões de um controle de video game, no celular não há botões.

Sendo assim, como ficará a questão de aceleração, freio, drift e direcionamento do kart? Ao mesmo temo será preciso utilizar os itens que estão presente no jogo. Como será sua ativação? São questões básicas que estão rondando minha mente.

Na gameplay vazada é possível inferir algumas coisas. Por exemplo, a direção do kart é visualizada com uma seta. Entretanto, penso eu, e considerando os celulares mais modernos, o jogo poderia se utilizar de giroscópio para direcionamento do kart. Logo, restaria ao toque na tela ativar o item e utilizá-lo, porém faltaria a função de como será feita a aceleração, freio e drift… sem contar os jumps.

Por outro lado, apesar das adaptações, o jogo parece muito bonito graficamente. É fiel aos modelos do console, e  contará com sistema de ganhos de moedas. E por fim, certamente contará com microtransações ou então adquirido por um único pagamento no store do celular e com uma moeda própria interna. Semelhante ao que ocorre com o jogo do Mario e outros mobiles da Nintendo.

A previsão é que o jogo seja lançado entre junho e setembro.