Escolhidos para você

Boa noite, hoje falarei do Mario Kart Tour, que chegará em breve, direto no seu celular. Mario Kart Tour é a aposta de mais um jogo mobile por parte da Nintendo. Nele você terá as mais diversas funções da série Mario Kart, adaptadas para a versão mobile e poderá jogar a qualquer hora e em qualquer lugar.

Como funcionará

Até o momento, o que se sabe é basicamente mera especulação. Um vídeo de gameplay teria vazado na Internet, mostrando personagens, carros e pistas jogáveis. Incluindo aí também uma corrida inteira em uma clássica pista do Mario Kart do SNES.

Todavia, de fato é muito intrigante pensar como o jogo funcionará no celular. Digo isso porque, apesar de o Mario Kart não usar e abusar de todos os botões de um controle de video game, no celular não há botões.

Sendo assim, como ficará a questão de aceleração, freio, drift e direcionamento do kart? Ao mesmo temo será preciso utilizar os itens que estão presente no jogo. Como será sua ativação? São questões básicas que estão rondando minha mente.

Na gameplay vazada é possível inferir algumas coisas. Por exemplo, a direção do kart é visualizada com uma seta. Entretanto, penso eu, e considerando os celulares mais modernos, o jogo poderia se utilizar de giroscópio para direcionamento do kart. Logo, restaria ao toque na tela ativar o item e utilizá-lo, porém faltaria a função de como será feita a aceleração, freio e drift… sem contar os jumps.

Por outro lado, apesar das adaptações, o jogo parece muito bonito graficamente. É fiel aos modelos do console, e  contará com sistema de ganhos de moedas. E por fim, certamente contará com microtransações ou então adquirido por um único pagamento no store do celular e com uma moeda própria interna. Semelhante ao que ocorre com o jogo do Mario e outros mobiles da Nintendo.

A previsão é que o jogo seja lançado entre junho e setembro.

Olá pausadores, esta semana tivemos uma pequena Direct com Super Mario Maker 2. Sim, construir ficou ainda melhor nessa nova aventura, onde você é quem cria as fases. E clado, depois compartilhar para que players do mundo todo posso jogá-las.

O primeiro Super Mario Maker saiu para Wii U em 2015, e para Nintendo 3DS em 2016. Logicamente, ele fez muito sucesso, e com você podendo criar e personalizar suas fases das mais diversas maneiras, foi um sucesso de vendas. Nele você consegue utilizar diversos itens, objetos e inimigos dos jogos do Mario, e ainda escolher um layout de game, com o qual será visualizado. Os jogadores podiam se utilizar dos layouts de Super Mario Bros., Super Mario Bros. 3, Super Mario World e New Super Mario Bros. U.

A mesma qualidade, porém muito melhor

O novo game contará agora com uma grande quantidade de coisas novas. A primeira delas e mais marcante é a possibilidade de utilizar o layout do Super Mario 3D World, outra é a versão nortuna dos cenários possíveis de se utilizar de fundo. E em falando em cenário de fundo, teremos agora deserto, floresta, neve e céu. Inclusive com novas músicas compostas por Koji Kondo e uma galeria de novos soud effects.

Todavia, algo que realmente me chamou a atenção é a presença de um modo co-op para montar as fases. Trabalhar a 4 mãos para montar uma fase certamente vai render boas risadas (e alguns conflitos), mas já um bom diferencial para o primeiro game.

Alguns novos objetos como: a garra de balanço, botão swtich on/off, movimentação da tela em várias direções, Yoshis coloridos, nível de água e terreno inclinado foram mostrados. Mas o que eu realmente gostei foi o casco da Dry Bones, que te deixa invencível temporariamente. Sem mencionar no possível uso de “condições para finalizar a fase”, por exemplo, deve-se terminar como Mario de fogo.

Modo História

Sim, Super Mario Maker 2 terá um modo história no jogo, para que você consiga construir o castelo da Peach desde o zero. Neste modo é necessário concluir as fases e acumular moedas que lhe permita construir o castelo. Liberando acesso  a áreas novas e personagens.

E cai entre nós, foi uma boa ideia, dando mais vida a um game sensacional que praticamente não tem fim. Sempre haverá fases e mais fases para se concluir.

Enquanto isso, no modo online, Super Mario Maker 2 traz como novidade um modo competitivo e um modo co-op. No primeiro, você e seus amigos disputam entre si para ver quem completa a fase primeiro, no segundo, é preciso que um ajude o outro para que pelo menos um dos amigos chegue ao final da fase. Imaginem as possibilidades de fases a serem criadas.

O jogo realmente está incrível e aqui é compra certa. Mesmo que tivesses centenas de vidas, igual o Mario, não conseguiria jogar tudo que ele tem a oferecer, mas vamos tentar, né?

 

Que os celulares atuais tem centenas e centenas de apps e muitos deles são jogos, isto não é novidade. Entretanto, a nostalgia do Bricks Breaker continua viva com o joguinho do Bricks Breaker Challenge. Sim, O clássico jogo onde você precisa destruir um aglomerado de blocos, também conhecidos como tijolinhos, usando apenas uma bola e uma barra para guiá-la.

O jogo

Em Bricks Breaker Challenger você tem centenas de stages com desafios a serem superados. Muitos deles possuem mais de um fase a ser completada para que se avance no jogo. Além disso, assim como muitos outros apps, ele conta com sistema de desempenho em estrelas. 3 estrelas é o desempenho máximo para cada fase.

A cada 20 stages temos uma stage de boss. Isso mesmo, Bricks com boss a ser enfrentado me surpreendeu quando vi. Inclusive, achei muito interessante, a diversificação ao implementar este desafio aos jogadores. Foge um pouco do clássico e insere um novo elemento.

Bricks Breaker também conta com acúmulo de moedas no jogo para utilizar como continue nas stages caso você se dê mal em alguma das fases. Assim não precisará jogá-la desde o início.

Outro diferencial incluso no app são os itens. Estes caem no meio da fase conforme se joga e destrói-se os blocos. Eles podem tanto lhe ajudar como prejudicar na partida, dificultando o controle da bola. Um dos exemplos que dou é o item que potencializa a bola, fazendo-a atravessar e destruir os blocos, sem rebater. Outro item muito bom transforma a barra de controle em uma artilharia, e você pode detonar os blocos diretamente.

Por outro lado, itens ruins que diminuem o comprimento da barra de controle, ou ainda que aumentam a velocidade da bola, ou ainda que diminuem o seu tamanho. Estes, por sua vez, dificultam o jogo.

E por fim, o jogo conta com modo “sem fim”, modo por tempo, modo de minigame para obter moedas e um modo multiplayer. Sem falar no shop, que lhe permite obter moedas de jogo comprando com dinheiro real.