Escolhidos para você

J.R.R. Tolkien é considerado por muitos o rei da fantasia por conta de sua maior criação, a Terra Média, onde ele desenvolveu a história de O Hobbit e do Senhor dos Anéis. Porém o autor se aventurou por outras histórias e é isso que vou mostrar para vocês hoje! Aliás esse cara é o único autor que eu conheço que morreu e continua lançando livros novos!

Beowulf

alem_da_terra_média (4)

A tradução do “Beowulf” – poema épico anglo-saxão, escrito entre 700 e 750 d.C. -, por J.R.R. Tolkien, foi uma obra precoce, muito peculiar a seu modo, completada em 1926; mais tarde ele retornou a ela para fazer correções apressadas, mas parece jamais ter considerado sua publicação. Esta edição traz ainda Sellic Spell, um “conto maravilhoso”, uma história escrita por Tolkien que sugere quais poderiam ter sido a forma e o estilo de um conto folclórico sobre Beowulf em inglês antigo, em que não havia uma associação com as “lendas históricas” dos reinos setentrionais.

Árvore e Folha

alem_da_terra_média (6)

Este volume inclui o ensaio ‘Sobre contos de fadas‘ e o conto ‘Folha, de migalha‘. Em seu ensaio ‘Sobre contos de fadas’, Tolkien discute a natureza dos contos de fadas e da fantasia e resgata o gênero que alguns pretenderam relegar à literatura infantil. Isso é ilustrado de maneira hábil e refinada por Folha, de Migalha, conto que narra a história do artista, Migalha (Niggle), que ‘precisa fazer uma longa viagem, e é visto como uma alegoria à vida de Tolkien.

Ferreiro do Bosque Grande

Ferreiro de Bosque Grande

Esta história fascinante de um andarilho que encontra o caminho para o perigoso reino da Terra-Fada está sendo publicada pela primeira vez no Brasil. Esta edição inclui um manuscrito do rascunho original de Tolkien para a história, as ilustrações de Pauline Baynes, notas sobre a gênese, a cronologia e o final alternativo da história e um longo ensaio sobre a natureza da Terra-Fada, tudo inédito até agora. Estão contidas em Ferreiro de Bosque Grande muitas ligações interessantes com o mundo da Terra-média e também com os demais contos de Tolkien, e nesta “edição ampliada” o leitor finalmente descobrirá a história completa por trás dessa importante peça de ficção.

A História de Kullervo

Kullervo

Kullervo, filho de Kalervo, é talvez o mais sombrio e trágico de todos os personagens de J.R.R. Tolkien. O infeliz Kullervo, como Tolkien o chamou, é um desafortunado menino órfão com poderes sobrenaturais e um destino trágico. Criado na propriedade do sombrio mago Untamo, que matou seu pai, raptou sua mãe e tenta matá-lo três vezes ainda menino, Kullervo está sozinho exceto pelo amor de sua irmã gêmea Wanona, e protegido pelos poderes mágicos do cão negro Musti. Quando Kullervo é vendido como escravo, jura vingança contra o mago, mas aprenderá que, mesmo no momento da vingança, não há como escapar do mais cruel dos destinos.

A Queda de Arthur

alem_da_terra_média (2)

‘A queda de Artur’, única incursão de J. R. R. Tolkien nas lendas do Rei Artur, narra a expedição do personagem a longínquas terras selvagens, a fuga de Guinevere de Camelot, a grande batalha naval na volta de Artur à Grã-Bretanha, a descrição do traidor Mordred, as dúvidas que atormentavam Lancelot em seu castelo francês.

Roverandom 

alem_da_terra_média (5)

Em 1925, durante as férias, o pequeno Michael Tolkien perdeu, na praia, um cãozinho de brinquedo que ele adorava. Para consolá-lo, o pai, J. R. R. Tolkien, inventou uma história sobre um cachorro de verdade que é transformado em brinquedo por um mago e enviado por um ‘feiticeiro-da-areia’ à Lua e ao fundo do mar. Mais de 70 anos depois, as aventuras do cachorro Rover, também conhecido pelo nome de ‘Roverandom’, foram publicadas na Inglaterra.

Mestre Gil de Ham

alem_da_terra_média (7)

Esta história é ambientada no vale do Tâmisa, na Inglaterra, num passado distante, quando ainda existiam gigantes e dragões. Seu herói, Mestre Gil, é na realidade um fazendeiro totalmente desprovido de heroísmo, mas que, graças à boa sorte e à ajuda do cachorro Garm, da égua cinzenta e da espada mágica Caudimordax (ou Morde-cauda), amansa o dragão Chrysophylax e ganha enorme fortuna.

Sr. Bliss

alem_da_terra_média (8)

O Sr. Bliss é conhecido por seus chapéus extremamente altos e por seu animal de estimação – um giracoelho. Um dia ele toma a decisão estapafúrdia de comprar um automóvel. Mas sua primeira saída para visitar alguns amigos logo se transforma numa sucessão de desastres. J. R. R. Tolkien criou e ilustrou o livro sobre as aventuras do Sr. Bliss nos anos 1930.

Se interessou por algum? E você achando que Tolkien era só Terra Média hein?