Escolhidos para você

23 posts encontrados na tag ruim

Eu sei que estou devendo um post muito importante pra vocês! A resenha de Deadpool 2. Então, apesar de já ter passado um tempo da estreia, vou contar o que eu achei do novo longa do Mercenário Tagarela.

Expectativa: juro que tentei manter o mais baixo possível, até porque, o primeiro filme foi tão incrível e os trailers do segundo esconderam tanto que achei que seria legal, mas nem tanto.

Realidade: sai do cinema em puro êxtase. Até agora não consegui definir se gostei mais do primeiro ou do segundo. Acho que vou ter que rever a sequência mais algumas 8 vezes pra poder decidir! xP

Em Deadpool 2, quando o super soldado Cable chega em uma missão para assassinar o jovem mutante Russel, o mercenário Deadpool precisa aprender o que é ser herói de verdade para salvá-lo. Para isso, ele recruta seu velho amigo Colossus e forma o novo grupo X-Force, sempre com o apoio do fiel escudeiro Dopinder.

Que filme, meus amigos! Ele é todo surpreendente, cheio de reviravoltas e quando você acha que acabou, lá vem mais surpresa. Se você não ficar atento o tempo todo, vai perder um trocadilho, uma piada – ou pior, uma referência. As zueiras continuam sem limites (coitada da DC) e as quebras da 4 barreira são pontuais e divertidas.

O longa conta com participações especiais surpresas, com personagens surpresas e com situações totalmente inusitadas. Apesar de todo o clima deprê criado logo no comecinho, o filme se desenrola de maneira natural e não fica cansativo em momento nenhum. As reações do Deadpool a tudo o que acontece a sua volta são absurdamente condizentes com o personagem, o que eleva Ryan Reynolds ao meu posto definitivo de ídolo supremo.

A ideia que envolveu a montagem a X-Force – inclusive seu desfecho – foi irretocável. Nada poderia ser mais Deadpool do que o grupo que ele montou e de tudo o que aconteceu até a equipe ficar com sua formação final. Estou ansioso para ver o time em um filme solo e quem sabe até mais alguns recrutamentos (ainda que já tenhamos percebido que RH não é o forte do nosso herói).

Vi algumas críticas comentando que em alguns momentos o filme tenta se fazer levar a sério e falha. Só tenho a dizer que cada pedacinho do filme foi pensado para os fãs do Degenerado Regenerado e em diversos arcos de Deadpool nos quadrinhos, existe mesmo essa dualidade entre seriedade e loucura e ela foi levada com maestria pra telona. Não da pra compreender a totalidade de Deadpool 2 sem conhecer o personagem fora do cinema. E nessas horas que eu fico feliz e orgulhoso por ser fã a tantos anos!

Agora se você acha que o filme acaba quando termina, pode esquecer. A cena pós crédito é simplesmente a melhor e mais genial de qualquer filme da Marvel. O filme poderia ter sido todo ruim, a cena final valeria o ingresso.

Não tem como não dar 10 chimichangas de 10 (e mais quantas o Wade quiser!) para Deadpool 2. Eu posso estar sendo partidário e puxa-saco, mas Reynolds e a Fox sinceramente merecem todos os elogios possíveis por essa produção!

Vocês já assistiram? O que acharam?

A Marvel liberou hoje o novo trailer de Vingadores: Guerra Infinita e ele está simplesmente incrível!!

Com muitas novas cenas reveladas, já da pra ter uma ideia do que o grande vilão Thanos vai causar aos maiores heróis do universo! Confiram o trailer (e se emocionem no caminho):

De acordo com a sinopse, “Enquanto os Vingadores e seus aliados continuam protegendo o mundo de ameaças muito grandes que nenhum herói consegue enfrentar sozinho, um novo perigo surge das sombras do cosmo: Thanos. Um déspota com infâmia intergalática, sua meta é reunir as seis Joias do Infinito, artefatos de poder inimaginável, e usá-las para infligir sua vontade macabra em toda a realidade. Tudo pelo que os Vingadores lutaram levou a esse momento – e o destino da Terra e da própria existência nunca esteve tão incerto”.

Quanto mais a gente vê a respeito do filme, mais da pra ter a dimensão de quão grandioso será! Com certeza teremos fortes emoções nesse longa e ao julgar pela melhor cena do trailer (será que Thanos está de zueirinha ou o Cap realmente está segurando o inimigo?), temos que estar preparados para tudo!

Com direção dos irmãos Joe e Anthony Russo, Vingadores: Guerra Infinita chega aos cinemas no dia 26 de abril e ansiedade pouca é bobagem!!

Vocês estão preparados para a Guerra?

A CCXP 2017 acabou e agora vou comentar um pouco sobre o maior evento de cultura pop do Brasil. Esse ano, por conta de problemas de agenda, só consegui ir mesmo no dia de abertura, na quinta-feira. Mas mesmo de longe nos outros dias, fiquei ligado acompanhando tudo o que rolava na maior Comic Con do mundo!

Primeiro, vou falar da minha experiência pessoal. Quem me acompanhou nos histories (se você ainda não me segue no insta, clica aqui porque você ta perdendo muita coisa legal!!) viu que apesar de ter bastante gente logo no primeiro dia, a feira estava até de certa forma tranquila. Tanto que me surpreendi com o fato de não ter pego fila pra almoçar (coisa que nunca aconteceu em anos anteriores). Mas apesar do almoço estar bem sossegado, outros tantos lugares estavam com filas que já desanimavam só de olhar! E eu, como só poderia ir em um dia, aproveitei o máximo para passear pela feira, visitar estandes e conferir tudo o que fosse possível sem ter que enfrentar as filas do terror.

O fato é que depois de 4 anos frequentando a CCXP, já deu pra aprender uma coisa: você tem que focar no que você quer fazer! Se você puder ir nos 4 dias, ótimo! Talvez consiga aproveitar um pouco de cada coisa. Mas se você for em um dia só, tenha bem definido na sua cabeça o que você vai querer fazer: Ir em algum painel, fazer compras, tirar fotos, conhecer quadrinistas, visitar estandes das grandes produtoras…. Enfim, por conta da quantidade absurda de gente, é impossível fazer tudo num dia só! E se você não tiver um objetivo definido, pode sair de lá frustrado com a sensação de que só ficou em fila o dia todo e não aproveitou nada.

Foto por Clay Oliveira – Blog Sai da Minha Lente

Mas vamos deixar essa questão um pouco de lado e falar sobre o evento. Será que a CCXP já pode ser comparada com as outras grandes Comic Cons do mundo? Se você quiser saber a minha modesta opinião, talvez a única diferença sejam os famosos que comparecem aos eventos lá e aqui.

Se por um lado tivemos Will Smith, a ganhadora do Oscar Alicia Vikander e a atriz Danai Gurira, que são personalidades realmente incríveis, ainda não temos um elenco estelar como outras CC. Mas aqui existem duas coisas pra se levar em consideração: a primeira é que é muito mais fácil para um ator americano ir na Comic Com San Diego – que fica nos Estados Unidos – do que conciliar a agenda para fazer uma viagem internacional para o Brasil. E a segunda é que o nosso evento tem só 4 anos de existência e é um processo demorado até que ele ganhe o respeito que merece.

Foto por Clay Oliveira – Blog Sai da Minha Lente

Sobre o painéis, se vocês ficaram sabendo da Netflix (quando Will Smith entrou cantando o tema de abertura de Um Maluco no Pedaço) e da Sony (que teve convidados surpresas e materiais inéditos) entre tantos outros, já sabe que a CCXP atingiu um patamar internacional nesse quesito! Não perdemos pra ninguém!

Então agora você me pergunta: Leandro, vale a pena ir na CCXP 2018? Eu respondo: programe sua vida para isso! A organização da feira ainda está aprendendo com os erros e cada ano vem se superando! 2018 tem tudo para ter a Comic Con Experience MAIS ÉPICA de todas e se eu tivesse que arriscar um palpite desde já, aposto que 2018 terá no Brasil não só a maior como uma das melhores Comic Cons do MUNDO!

Nos vemos lá ano que vem?