30
maio
2017

Crítica: Piratas do Caribe – A Vingança de Salazar

Postado em | Cinema, Resenhas

No fim de semana eu fui assistir o novo filme da franquia dos Piratas do Caribe e agora vou contar para vocês o que se pode esperar da nova aventura de Jack Sparrow.

Expectativa: vamos ser realistas, depois de 4 filmes, a gente já sabe exatamente o que esperar do longa. Eu esperava ação, piadas e loucas aventuras em alto mar! xP

Realidade: se você tiver a mesma expectativa que eu, o filme vai te atender totalmente. Ele tem boas cenas de ação, humor na medida e um show de efeitos especiais.

De acordo com a sinopse, o Capitão Jack Sparrow se encontra com os ventos da má sorte soprando com mais força quando um grupo de piratas fantasmas é liberado por um velho inimigo: Capitão Salazar, que depois de escapar do Triângulo do Diabo está determinado a matar todos os piratas do mar, principalmente Jack Sparrow. Sua única esperança de sobrevivência é a busca pelo lendário Tridente de Poseidon – um artefato poderoso que dá ao seu possuidor o controle dos sete mares.

É meio complicado julgar uma franquia que repete a formula desde o começo. Muita gente reclama de “mais do mesmo”, mas em nenhum momento a Disney prometeu algo diferente. Os trailers já entregam que o novo Piratas do Caribe vai seguir o mesmo ritmo dos anteriores e se você vai ao cinema esperando alguma coisa muito diferente, vai acabar se decepcionando.

A verdade é que existem franquias que a gente já sabe o que esperar e assiste o filme só para conferir o desenrolar dos fatos. A diversão está justamente em saber o que vai acontecer, mas descobrir de que forma a história será apresentada.

Na mesma pegada dos anteriores, se você já gosta de Piratas do Caribe, a probabilidade de você curtir o filme é bem grande. Agora se você não gosta ou já está “enjoado”, nem vá ao cinema que não tem nenhuma surpresa ou situação extremamente diferente.

Vale dizer que Paul McCartney faz uma participação inusitada e divertida (pela foto já da pra saber que ele tem parentesco com Jack Sparrow) e que os efeitos especiais estão muito bem feitos! A aura fantasmagórica do Capitão Salazar e sua tripulação e o jovem Jack são bem convincentes!

Resumo: é mais do mesmo sim, mas isso não é de todo mal! Apesar de não inovar, o longa diverte e impressiona e serve como uma diversão ótima pra família toda. A grande dica é esperar os créditos terminarem porque temos cenas extras no fim!

Pra mim, 7 Tridentes de Poseidon dos 10 possíveis!

E vocês? Já assistiram? O que acharam?







25
abr
2017

Resenha (Crítica): Guardiões da Galáxia Vol. 2

Postado em | Cinema, HQ, Novidade, Resenhas

Hoje eu fui conferir o novo filme da Marvel e já vim correndo pra contar para vocês o que esperar de Guardiões da Galáxia – Vol. 2!

Guardiões-da-Galaxia-vol-2-novo-trailer

Expectativa: Apesar de saber que seria difícil, eu esperava que a continuação da saga mantivesse o alto nível do primeiro longa e que desse gosto de ir até o cinema para assisti-lo! Pra ser mais específico, queria que quem curtiu o primeiro, não se decepcionasse com o segundo!

Realidade: A Marvel não é besta nem nada. Se a fórmula deu certo da primeira vez e agradou todo mundo, eles sabidamente trataram de repeti-la e por isso o segundo ficou tão bom quanto o primeiro!

Critica-Guardiões-da-Galaxia1

De acordo com a sinopse, “Com o “Awesome Mixtape #2” de trilha sonora, Guardiões da Galáxia Vol. 2 continua as aventuras da equipe enquanto eles atravessam os confins do universo. Os Guardiões devem lutar para manter sua recentemente criada família junta, enquanto eles desvendam o mistério da ascendência verdadeira de Peter Quill. Antigos inimigos se tornam aliados e personagens favoritos dos fãs dos quadrinhos clássicos aparecerão para ajudar nossos heróis!”.

Critica-Guardiões-da-Galaxia2

Antes de mais nada, só pra deixar claro, eu disse que a fórmula é a mesma e não que o filme é igual! Eles apostaram num enredo conciso e bem trabalhado, em muitas piadas, muita ação e aproveitaram para desenvolver melhor os personagens apresentados no primeiro filme. Some isso à participação sempre marcante do Baby Groot em todas as cenas que ele aparece e a já conceituada trilha sonora nostálgica e o resultado é um filme verdadeiramente prazeroso.

Critica-Guardiões-da-Galaxia3

A história sem pé nem cabeça do pai do Senhor das Estrelas ser Ego, o planeta vivo, acaba funcionando bem na telona e fica coerente. Stan Lee tem uma das suas melhores participações de todas e a aparição do Sly também não é gratuita. Provavelmente veremos o eterno Rambo aparecendo mais vezes por aí! E preparem-se para muitas risadas, piadas de duplo sentido e, mesmo que pareça improvável, talvez uma lagriminha no canto de um dos olhos em uma cena específica….

Guardiões-da-Galaxia-vol-2-novo-trailer2

Eu posso dizer sem nenhum medo de errar: se você gostou de Guardiões da Galáxia 1, vai gostar do 2 com a mesma intensidade. Se você não é fã de quadrinhos, vai poder aproveitar as alusões a cultura pop em geral. Mas se você gosta da Marvel, também vai curtir as diversas referências aos quadrinhos da editora.

Critica-Guardiões-da-Galaxia4

Detalhe: fique até o fim dos créditos, tem umas 200 cenas extras entre eles! Não saia do cinema antes da tela ficar preta de vez. E caso em algum momento do filme você fique curioso pra saber quem seria um tal de Adam (aqueles que não quer dar spoiler), só te digo que na Marvel existe um personagem chamado Adam Warlock cujos poderes estão entre os mais apelões da editora. Além disso, ele tem uma história com uma tal Joia da Alma… Só isso! xP

Critica-Guardiões-da-Galaxia5

Ah, ainda me incomoda a personalidade do Drax, o Destruidor Bobão. Fico meio com vergonha alheia porque estou acostumado com o jeito frio (de quem teve a família brutalmente assassinada) dele nos quadrinhos. Mas estou trabalhando o fato de que são Draxs de realidades diferentes e já fiz um bom progresso!

Critica Guardiões da Galaxia336

Se você já quiser se preparar para a sonzera do longa, pode curtir trilha-sonora do filme – que está em primeiro lugar entre as mais ouvidas no Spotify – clicando nesse link aqui.

Guardiões da Galáxia Vol.2, da Marvel, estreia nesta quinta-feira, dia 27 de abril.

Quem aí está super animado?







16
mar
2017

Crítica: A Bela e a Fera

Postado em | Cinema, Crítica, Novidade

Ontem eu tive a grata oportunidade de assistir o novo clássico da Disney, A Bela e a Fera, e agora vou contar um pouco para vocês sobre o quanto amei o que que achei do filme!

Critica-Bela-e-a-Fera1

Expectativa: rever toda a magia do meu conto de princesas preferido da Disney, adaptado para nos fazer sentir como se estivéssemos vendo o desenho com atores.

Realidade: sabe quando você já está com a expectativa o mais alto possível e mesmo assim o filme te surpreende? Pois é, foi bem assim que me senti!

Critica-Bela-e-a-Fera360o

No filme – tá, como se vocês não soubessemBela (Emma Watson), uma moradora de uma pequena aldeia francesa, tem o pai capturado pela Fera (Dan Stevens) e decide entregar sua vida ao estranho ser em troca da liberdade dele. No castelo, ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera é, na verdade, um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana.

Critica-Bela-e-a-Fera4

Já deu pra perceber que a minha resenha vai ser meio parcial, né? Eu simplesmente amei o longa <3! A Disney soube como pegar cada detalhezinho do desenho original e transforma-lo em um espetáculo na tela.

Critica-Bela-e-a-Fera5

Eu achava que eles seguiriam o desenho fielmente do começo ao fim, mas alguns detalhes que não existiam na animação original acabaram sendo adicionados, trazendo uma certa personalidade ao filme. Isso poderia ter me incomodado, mas eles se encaixaram tão perfeitamente na história que ao invés de ser um ponto negativo, é um ponto positivíssimo! É bacana ver como o romance da Bela e da Fera foi mais bem trabalhado e o fato dos personagens se identificarem por terem várias coisas em comum o torna muito mais verdadeiro.

Critica-Bela-e-a-Fera6

Falando sobre a parte musical, as letras de algumas músicas sofreram alteração. Se você conhece o repertório completo em inglês, vai perceber essas mudanças com inclusive adições de frases inteiras. Se você assistir dublado, também vai notar que mesmo as letras das canções mais tradicionais sofreram alteração. Eu sou desses que conhece bem as duas versões e confesso que as músicas dubladas me causaram mais estranheza do que as originais! Mas como eu assisti o legendado, tá tudo certo! xD! Ah, se você usa o Spotify, a Disney disponibilizou nesse link aqui todas as músicas em português pra vocês já irem se acostumando.

Critica-Bela-e-a-Fera7

Emma Watson é maravilhosa e em momento nenhum você consegue olhar aquela camponesa e se lembrar da Hermione! Se você tem esse medo, pode desencanar! Ela entrega uma Bela igual à do desenho em todos os trejeitos e a voz dela recebeu todo um tratamento nas canções pra ficar perfeita. E eu que achava que não era possível se apaixonar ainda mais por ela!

Critica-Bela-e-a-Fera8

Horloge e Lumière tem tanta riqueza de detalhes quanto os outros objetos e chega a parecer normal que a menina converse com os objetos. Zip consegue ser mais cativante que no desenho e a direção de arte é simplesmente espetacular! Mas se aqui podemos deixar um ponto negativo, é para a Fera. A animação do monstro deixou a desejar em alguns momentos, compensando em outros. Pra mim foi a derrapadinha do filme, em algumas cenas você se percebe olhando pra Fera e achando ela meio falsa. Mas passa rápido, prometo!

Critica-Bela-e-a-Fera9

Mas acho que o ponto crucial mesmo fica por conta da emoção. Você vai voltar lá pra 1991 e ver o desenho tomar forma na sua frente. A nostalgia vai falar mais alto e se você tem tendências a derramar lágrimas, pode preparar o lencinho!

Critica-Bela-e-a-Fera264

Só um adendo sobre a polêmica de LeFou, o personagem homossexual: pelo tanto que falaram, achei que ele seria um es-cân-da-lo, extremamente caricato. Mas gente, sinceridade? Ele sempre foi homossexual, só deixaram um tiquinho mais evidente! Mas longe de ser motivo de polêmica! Seria mais fácil encanar com outro personagem que em devido momento, sai metaforicamente do armário……. xP

São 9 rosas e meia e só não dou 10 porque falei mal da Fera. Mas do fundo do coração, acho que vou ver esse filme ainda umas 10 vezes. Então, quando estrear CORRE PRO CINEMA com a família inteira!

Ficaram mais ansiosos agora? xD