Pausa para Nerdices filme Archives - Pausa para Nerdices
8
maio
2018

Bill e Ted 3 é oficialmente confirmado

Postado em | Cinema, Novidade

Bill e Ted é um daqueles clássicos que quem viveu nos anos 80 simplesmente ama! Um filme que já tratava de viagem no tempo e foi um dos primeiros longas da história de Keanu Reeves não pode passar batido né?

E é por isso que a noticia de hoje é tão boa: depois de muitas fontes afirmarem que teríamos o terceiro filme, quase 30 anos depois do original, foi oficialmente confirmado na data de hoje que Bill e Ted vai mesmo voltar para as telonas!

E não bastasse a volta de Keanu Reeves e Alex Winter para viverem novamente o papel dos protagonistas, o roteiro foi escrito por Chris Matheson e Ed Solomon, os criadores dos personagens. Ou seja, da pra esperar que venham coisas boas por ai.

De acordo com os atores, o roteiro retomará a história do primeiro filme, onde eles descobriram que salvariam o mundo com sua música. Mas agora, no auge dos seus 50 anos e com famílias formadas, a dupla vai ter que tomar decisões difíceis para cumprir seu destino. E com a ajuda de suas filhas, figuras históricas e lendas da música, eles pretendem salvar o mundo definitivamente.

Apesar da confirmação, ainda não foi passada a data da estreia!

Eu estou feliz de poder ver Bill e Ted juntos novamente!

E vocês?







27
abr
2018

Avengers – Infinity War

Postado em | Cinema

“………………………………………” Por que eu comecei assim o post? Porque foi exatamente assim que eu sai e que você sairá do cinema após assistir ao filme Avengers – Infinity War. Um misto de sentimentos e sensações que poderão te deixar desnorteado sem saber para onde ir e como voltar para casa.

Vou falar de uma maneira mais geral por cima do filme e do que achei, pois qualquer mínimo detalhe de alguma cena poderá ser um spoiler desagradável a alguém. Mas já aviso, a Marvel soube colocar um equilíbrio em Avengers – Infinity War; um balanceamento entres os seus muitos personagens que aqui figuram. Suas aparições, seu clímax pessoal e suas falas foi tudo bem moldado e encaixado. Não só isso, mas também o entrosamento entre eles nas cenas de ação. E claro, nos seus momentos conflituosos, como não poderia deixar de ser.

Eu, nas mais de duas horas e meia de filme não poderia reclamar de algo. Até a vontade de ir ao banheiro desaparece com tudo que é mostrado. Cenas marcantes que farão um fã da Marvel sentir plena satisfação, mais ainda do que já tenha visto nos trailers, e olha que muitos preferem nem sequer ver isso e tentam a todo custo evitá-los. Sorte deles, que sentirão uma emoção ainda maior e se você for um desses fãs, aproveite ao máximo esses minutos quando estiver no cinema.

Avengers – Infinity War, assim como o resto do MCU (Marvel Cinematic Universe) tem suas adaptações. E a coesão entre todos os filmes lançados até agora se faz totalmente presente aqui; conforme os relembramos, vamos montando esse imenso Universo e ligando os heróis e heroínas. O vilão Thanos era o mais aguardo, pois a expectativa era ver se ele seria tudo aquilo que haviam prometido. E foi muito mais! Temos um Thanos carregado não só no seu poder como nos seus pensamentos e sentimentos, suas motivações e digo que é possível criar um novo olhar sobre ele, pude sentir isso no decorrer do filme.

É difícil citar muito mais coisas sem escorregar algum spoiler, penso agora em todas as cenas e como, desde o início ficava bolando como e quando “fulano” iria aparecer. Caminhando já para o final, a ansiedade toma conta e e você tenta compreender o sentido do que está acontecendo. Era para ser assim? Milhares de ideias para o próximo filme vão se formando na sua mente: como que isso vai desenrolar?

Fique até o fim dos créditos mesmo, a pós-cena eu achei até que singela (poderia ter um “Q” a mais), mas obviamente é importante para os laços que unem o MCU.

Vale muito a pena assistir a esse filme da melhor maneira possível. Tirando o 3D, porque a única coisa relevante que isso causou foi uma dor de cabeça depois da sessão, no filme em si são poucos os momentos em que esse 3D se torna um “wooow”.

Já assistiram ao filme e estão ansiosos pela sequência?







10
abr
2018

The Meg – Os tubarões assassinos estão de volta!

Postado em | Cinema, Novidade, Vídeos

Eu vou te dar um ótimo motivo para assistir ao novo filme do Jason Statham: o nome incrível The Meg. Ok, o nome não é tão incrível, mas ele tem um TUBARÃO GIGANTE PRÉ-HISTÓRICO!!

Não importa quanto tempo passe, filme de tubarão sempre vai ser legal! Só que a ideia desse filme é que nossos personagens encontram não um tubarão qualquer, mas um Megalodon, o maior tubarão que já existiu nos mares e que está extinto (ou pelo menos deveria) a milhares de anos! Confiram o trailer:

O filme, que em Português deve se chamar Megatubarão (sim, eles conseguiram piorar algo que já era ruim) mostra um submarino de águas profundas – parte de um programa internacional de observação subaquática – que foi atacado por uma criatura gigantesca, que se pensava estar extinta. Agora, ele se encontra incapacitado no fundo da fossa mais profunda do Oceano Pacífico… com a tripulação presa dentro dele.

Com o tempo se esgotando, o mergulhador especializado em resgates em águas profundas Jonas Taylor é recrutado por um visionário oceanógrafo chinês, contra a vontade de sua filha Suyin, para salvar a tripulação – e o próprio oceano – desta ameaça incontrolável: um tubarão pré-histórico com mais de 20 metros de comprimento conhecido como Megalodon. O que ninguém poderia imaginar é que, anos antes, Taylor já havia encontrado esta mesma criatura aterrorizante. Agora, junto com Suyin, ele deve confrontar seus medos e arriscar sua própria vida para salvar todos os tripulantes… ficando frente a frente com o maior e mais poderoso predador de todos os tempos.

O enredo é baseado em um livro homônimo do escritor Steve Alten e apesar da história não parecer lá muito original, parece bem feitinha para não escorregar pro trash. Num mar de filmes com essa temática, pra se diferenciar só sendo um Megalodon mesmo! xP

The Meg estreia nos cinemas americanos no dia 10 de agosto de 2018, mas ainda não tem previsão de lançamento no Brasil.

Eu já quero!

E vocês?