Escolhidos para você

1 post encontrado na tag fila

A CCXP 2017 acabou e agora vou comentar um pouco sobre o maior evento de cultura pop do Brasil. Esse ano, por conta de problemas de agenda, só consegui ir mesmo no dia de abertura, na quinta-feira. Mas mesmo de longe nos outros dias, fiquei ligado acompanhando tudo o que rolava na maior Comic Con do mundo!

Primeiro, vou falar da minha experiência pessoal. Quem me acompanhou nos histories (se você ainda não me segue no insta, clica aqui porque você ta perdendo muita coisa legal!!) viu que apesar de ter bastante gente logo no primeiro dia, a feira estava até de certa forma tranquila. Tanto que me surpreendi com o fato de não ter pego fila pra almoçar (coisa que nunca aconteceu em anos anteriores). Mas apesar do almoço estar bem sossegado, outros tantos lugares estavam com filas que já desanimavam só de olhar! E eu, como só poderia ir em um dia, aproveitei o máximo para passear pela feira, visitar estandes e conferir tudo o que fosse possível sem ter que enfrentar as filas do terror.

O fato é que depois de 4 anos frequentando a CCXP, já deu pra aprender uma coisa: você tem que focar no que você quer fazer! Se você puder ir nos 4 dias, ótimo! Talvez consiga aproveitar um pouco de cada coisa. Mas se você for em um dia só, tenha bem definido na sua cabeça o que você vai querer fazer: Ir em algum painel, fazer compras, tirar fotos, conhecer quadrinistas, visitar estandes das grandes produtoras…. Enfim, por conta da quantidade absurda de gente, é impossível fazer tudo num dia só! E se você não tiver um objetivo definido, pode sair de lá frustrado com a sensação de que só ficou em fila o dia todo e não aproveitou nada.

Foto por Clay Oliveira – Blog Sai da Minha Lente

Mas vamos deixar essa questão um pouco de lado e falar sobre o evento. Será que a CCXP já pode ser comparada com as outras grandes Comic Cons do mundo? Se você quiser saber a minha modesta opinião, talvez a única diferença sejam os famosos que comparecem aos eventos lá e aqui.

Se por um lado tivemos Will Smith, a ganhadora do Oscar Alicia Vikander e a atriz Danai Gurira, que são personalidades realmente incríveis, ainda não temos um elenco estelar como outras CC. Mas aqui existem duas coisas pra se levar em consideração: a primeira é que é muito mais fácil para um ator americano ir na Comic Com San Diego – que fica nos Estados Unidos – do que conciliar a agenda para fazer uma viagem internacional para o Brasil. E a segunda é que o nosso evento tem só 4 anos de existência e é um processo demorado até que ele ganhe o respeito que merece.

Foto por Clay Oliveira – Blog Sai da Minha Lente

Sobre o painéis, se vocês ficaram sabendo da Netflix (quando Will Smith entrou cantando o tema de abertura de Um Maluco no Pedaço) e da Sony (que teve convidados surpresas e materiais inéditos) entre tantos outros, já sabe que a CCXP atingiu um patamar internacional nesse quesito! Não perdemos pra ninguém!

Então agora você me pergunta: Leandro, vale a pena ir na CCXP 2018? Eu respondo: programe sua vida para isso! A organização da feira ainda está aprendendo com os erros e cada ano vem se superando! 2018 tem tudo para ter a Comic Con Experience MAIS ÉPICA de todas e se eu tivesse que arriscar um palpite desde já, aposto que 2018 terá no Brasil não só a maior como uma das melhores Comic Cons do MUNDO!

Nos vemos lá ano que vem?