21
nov
2017

Crítica: Liga da Justiça

Postado em | Cinema, Crítica, Resenhas

Aproveitei o feriadão para ir ao cinema conferir o filme mais aguardado da DC Comics e agora vou compartilhar com vocês o que eu achei de Liga da Justiça.

Expectativa: a gente tenta manter a expectativa baixa em virtude do histórico da DC/Warner, mas dessa vez estava impossível! Eu achava que seria bom, mas tava torcendo para que fosse o melhor filme deles até o momento.

Realidade: fiquem tranquilos, o filme é realmente bom! Ele não bate Mulher-Maravilha, mas ainda assim, da pra gente dizer que a DC está acertando a mão nos seus últimos longas!

De acordo com a sinopse, Impulsionado pela restauração de sua fé na humanidade e inspirado pelo ato altruísta do Superman (Henry Cavill), Bruce Wayne (Ben Affleck) convoca sua nova aliada Diana Prince (Gal Gadot) para o combate contra um inimigo ainda maior, recém-despertado. Juntos, Batman e Mulher-Maravilha buscam e recrutam com agilidade um time de meta-humanos, mas mesmo com a formação da liga de heróis sem precedentes – Batman, Mulher-Maraviha, Aquaman (Jason Momoa), Cyborg (Ray Fisher) e Flash (Ezra Miller) -, poderá ser tarde demais para salvar o planeta de um catastrófico ataque.

É complicado e quase impossível não traçar um paralelo comparativo com Vingadores 1. Isso porque além de ser a reunião da superequipe da DC, a premissa dos dois longas é exatamente a mesma: seres extraterrestres estão invadindo o planeta e só a união das pessoas mais poderosas do mundo é capaz de detê-los. Mas se você acompanha quadrinhos, sabe que isso é absolutamente comum em qualquer editora e de maneira nenhuma, uma delas está copiando a outra.

Dito isso, da pra afirmar que a motivação é interessante o suficiente e que cada um dos heróis justifica a sua presença na liga. O roteiro não é a prova de furos, mas é convincente o suficiente para você aceitar a história com naturalidade.

Outro ponto importante é que a DC abandonou de vez o clima sombrio (na verdade não foi isso que comprometeu os filmes anteriores, mas enfim…) em Liga da Justiça e abraçou o “Marvel´s Way of Life” deixando o filme mais alegre e cheio de piadinhas (umas bem ruins, outras nem tanto), sem abrir mão da narrativa mais pesada. Resultado: você percebe a inspiração, mas sabe que continua sendo um filme da DC.

A apresentação dos personagens aconteceu naturalmente da forma que deveria e você sai do cinema conhecendo bem cada integrante da Liga. Mas é uma opinião particular minha de que, o Ciborgue, por ser o personagem mais desconhecido do grande publico, merecia um pouquinho mais de tempo de história.

Ouvi alguns comentários ruins sobre o grande vilão do filme, o Lobo da Estepe, mas esse foi o ponto que achei mais inteligente de toda a produção. Ele em si não parece ser um inimigo lá muito perigoso, mas saquem a jogada: Lobo da Estepe + milhões de Aliens insetos = grande perigo. Isso deu a DC a oportunidade de tocar de novo no nome do Darkseid sem queimar ele logo no primeiro filme da Liga! Perceberam o movimento? O Lobo serviu para o propósito de unir os heróis, mas o verdadeiro perigo ainda está por vir.

O Batman estava ok, Superman voltou da morte muito mais poderoso (ou upou tipo o Gandalf ou apenas se soltou mais mesmo), Mulher-Maravilha perfeita como sempre e o Flash como alivio cômico as vezes exagerado demais. Agora o Aquaman do Momoa deu gosto de ver e acho que o filme solo dele tem tudo pra ser incrível!

Em resumo, vale a pena ir ao cinema assistir Liga da Justiça! O filme é bom e funciona como redenção da DC! Só não esqueça de ficar até o fim porque tem 2 cenas pós credito.

Nota do filme 7,5 parademônios de 10 possíveis!

E vocês? Já assistiram Liga da Justiça? O que acharam?







9
out
2017

Warner lança trailer empolgante de Liga da Justiça!

Postado em | Cinema, HQ, Novidade, Vídeos

Segunda feira é dia de que? De trailer da Liga da Justiça, claro!! Hoje a Warner liberou o novo trailer do aguardado Liga da Justiça. O vídeo mostra pela primeira vez Clark Kent, o Superman, além de destacar os super-heróis Batman, Mulher-Maravilha, Aquaman, Flash e Ciborgue.

Esse trailer deu um spoiler nada secreto e confirma oficialmente que o Superman não está morto! Mas as cenas de ação e as novas cenas com o Ciborgue ficaram muito legais e mostram que o filme pode ser sim tudo aquilo que a gente espera! Confiram:

De acordo com a sinopse “Alimentado por sua fé restaurada na humanidade e inspirado pelo ato de altruísmo de Superman, Bruce Wayne busca a ajuda de sua nova aliada, Diana Prince, para encarar um inimigo ainda maior. Juntos, Batman e Mulher-Maravilha trabalham rapidamente para encontrar e recrutar um time de metahumanos para encarar essa ameaça recém-desperta. Mas apesar da formação dessa liga sem precedentes de heróis – Batman, Mulher-Maravilha, Aquaman, Ciborgue e Flash – talvez seja tarde demais para salvar o planeta de um ataque de proporções catastróficas.”

Confesso que tenho medo de esperar muito dos filmes da DC/Warner, mas dessa vez parece que realmente o filme pode ser tudo aquilo que esperamos!

Liga da Justiça tem estreia prevista para 16 de novembro de 2017 nos cinemas brasileiros.

Como está a hype de vocês?







23
ago
2017

Warner e DC vão produzir 2 filmes com Coringas diferentes

Postado em | Cinema, HQ, Novidade

A Warner e a DC andam cheias de surpresa! E se você é fã do palhaço do crime, pode esperar fortes emoções daqui pra frente!

A primeira notícia revelada pela Deadline é que o estúdio está nos estágios iniciais de desenvolvimento de um filme solo do Coringa! O longa deve mostrar a origem do vilão e o roteiro vai ser escrito por Todd Phillips (Se beber, não case) e Scott Silver (8 Mile: Rua das Ilusões). A direção fica por conta do próprio Phillips e aqui vai a boa notícia: Martin Scorsese será o responsável pela produção.

As informações iniciais apontam para que o filme tenha uma atmosfera sombria e de violência de uma Gotham dos Anos 80. Jared Leto não deve interpretar o personagem pois o filme deve se passar em um universo diferente do atual. Com isso poderemos ter 2 atores interpretando o mesmo personagem no cinema ao mesmo tempo.

Gostei do Scorsese na produção, acho que ele vai saber exatamente o que fazer com a proposta! E não vejo grandes problemas de termos 2 Coringas, apesar de que isso pode confundir um pouco a cabeça dos espectadores. Mas sinceramente estou ansioso com esse projeto!

Mas a segunda noticia do dia é um pouco preocupante. De acordo com o THR, a Warner está trabalhando em outro projeto com o Palhaço do Crime! Coringa e Arlequina, um spin-off de Esquadrão Suicida (esse sim com Jared Leto) estaria sendo desenvolvido e vai mostrar “uma história de amor e crime”, com a direção a cargo de Glenn Ficarra e John Requa (de Amor A Toda Prova). Mas hein? WTF?

Será que é isso mesmo? Será que a Warner não entendeu com todas as críticas que Coringa e Arlequina não formam um casal fofinho? Se isso acontecer mesmo, podem esperar: a onda de hate vai ser gigante!

O que vocês pensam sobre cada um dos filmes?