20
abr
2017

Aplicativo permite ir todos os dias ao cinema por R$59,90 ao mês


Você gosta muito de ir ao cinema, mas infelizmente não consegue ir tantas vezes quanto gostaria por causa do preço?

Primepass-Cinema-por-assinatura1

É verdade que hoje em dia, em alguns cinemas, pra comprar entradas e pipoca, você praticamente tem que deixar um ou dois órgãos na bilheteria e isso tem afastado alguns clientes do serviço. Mas o Primepass está tentando resolver esse problema. O sistema funciona como um cinema por assinatura, tipo uma Netflix das Telonas. Na prática, você paga uma mensalidade fixa e pode ir várias vezes ao cinema, com a quantidade, dias e tipos de sala definidos pelo plano escolhido. Assim fica fácil, né?

Primepass-Cinema-por-assinatura2

Se você se interessou, basta baixar o aplicativo do Primepass (tem versão para Android e iOs) no seu smartphone e escolher um dos planos de assinatura. Depois, basta escolher na tela o filme que você quer assistir, selecionar o cinema e a sessão e retirar seus ingressos diretamente nas bilheteria ou totens de autoatendimento sem gastar nem mais um real!

Seu madruga Feliz Primepass Cinema por assinatura450

Nesse ponto você deve estar pensando: “Ah, mas devem ser umas 5 salas daqueles cinemas lá dos cafundós”, certo? Errado, jovem Padawan! O serviço está disponível em mais de 2500 salas de cinema, em todos os estados brasileiros, em redes como Cinearte, Cinépolis, Itaú Cinema, Kinoplex, Playarte e UCI. Detalhe que, apesar dos valores dos planos poderem variar por estado do Brasil onde você mora, é possível ir a qualquer cinema associado ao Primepass no país inteiro!

Primepass-Cinema-por-assinatura3

Então, falemos de valores: O Plano Básico é valido de segunda a quarta-feira e parte de R$39,90. O segundo plano é o Padrão e dá direito a visitas ao cinema todos os dias da semana a partir de R$59,90; e, por fim, o plano VIP, que abrange os outros e ainda inclui as salas VIP e IMAX, partindo de R$139,90. Vale a pena ou não?

Primepass-Cinema-por-assinatura4

Acho que o único ponto negativo do serviço é que, por enquanto, ele não permite escolher os assentos antecipadamente. Então, pode acontecer de você reservar seu ingresso e quando chegar na bilheteria, ter que se contentar com as poltronas livres. Mas esperamos que essa funcionalidade seja adicionada em breve!

Agora me contem, vocês já conheciam o Primepass? Alguém aí já usa o serviço? Como foi sua experiência?







13
fev
2017

Resenha (Crítica) – Lego Batman: O Filme

Postado em | Cinema, HQ, Resenhas

Eu fui assistir Lego Batman: O Filme depois de conferir todos os comerciais que já tinham sido lançados. Depois que vi o ultimo trailer já estava convencido de que vinham coisas boas de lá, por isso fui bem animado para o cinema.

Resenha-Batman-LEGO2

Expectativa: ver um filme leve para toda a família, com sacadas geniais e momentos engraçados, trazendo um Batman diferente sem perder a essência do personagem.

Realidade: eu gostei muito do que eu vi. Ele me atendeu em todas as expectativas e me dei conta de quanto o filme era legal quando vi que minha esposa e minha filha tinham gostado tanto quanto eu.

Resenha-Batman-LEGO5

Na telona podemos ver um Batman extremamente egocêntrico que adora ser o herói de Gotham, mas que sofre silenciosamente pela solidão. Mas quando a filha do comissário Gordon assume o lugar do pai e planeja mudanças no trato ao herói, Batman se vê obrigado a enxergar o mundo de forma diferente – incluindo a sua relação com seu (arqui?) inimigo Coringa.

Resenha-Batman-LEGO3

Você descobre que um filme é bom quando várias pessoas gostam dele por motivos diferentes. Para mim, o melhor do longa foi a sátira ao jeito “Eu sou o Batman” que é a forma que muita gente enxerga o herói, além, claro, da enxurrada incontável de referências.

Resenha-Batman-LEGO4

Você pode prestar atenção que tem de tudo: zueira com a Marvel, referências a Dr. Who, Matrix, Harry Potter e outros inúmeros ícones da cultura Pop, além de cenas que remetem diretamente aos quadrinhos, como a casa de espelhos de “A Piada Mortal“.

Resenha-Batman-LEGO1

O que você vai ver nas telonas é como seria um filme do Batman se ao invés de uma atmosfera sombria, fosse uma comédia. As piadas são muito bem escritas e no final, sempre temos a personalidade marcante do Batman por trás de tudo. Exageradamente, mas ainda assim, sempre presente.

Resenha Batman LEGO268

E claro que como temos o Coringa como principal antagonista, não deixaríamos de ver um dos seus planos insanos que consegue mexer com a cabeça do nosso herói. Sorte que Robin, Alfred e a Batgirl estão ao seu lado para mostrar que a união pode superar qualquer obstáculo (sim, temos lição de moral e muita referência à família, o que achei ótimo! xP).

Resenha-Batman-LEGO6

Em resumo, não importa a sua idade e nem o seu conhecimento sobre o Homem-Morcego. Se você quer ver um filme engraçado com sua família, namorada, amigos ou sozinho, Lego Batman: O Filme é uma ótima pedida! Nota 9 de 10 pecinhas de LEGO possíveis!

Alguém mais já assistiu? O que vocês acharam?







11
nov
2016

Resenha (Crítica): Doutor Estranho

Postado em | Cinema, HQ, Resenhas

Finalmente consegui assistir Doutor Estranho e mesmo já tendo se passado um tempo considerável do lançamento, seria muito estranho (rá!) se eu não deixasse a minha opinião a respeito de um dos melhores filmes da Marvel até o momento!

Resenha-Doutor-Estranho

Expectativa: esperava um filme grandioso, que introduzisse todo um conceito diferente de tudo o que a Marvel já tinha apresentado nos cinemas, com atuações dignas e efeitos especiais incríveis.

Realidade: Marvel, sua linda! Obrigado por isso!

Resenha-Doutor-Estranho1

Doutor Estranho é um personagem super importante do Universo Marvel dos quadrinhos, simplesmente porque é o Mago Supremo da Terra e é o encarregado de defender o planeta de criaturas mágicas praticamente sozinho. Portanto, sempre que qualquer herói tem problemas com assuntos místicos, o Estranho é a primeira opção na hora de pedir um help!

Resenha-Doutor-Estranho2

A sua origem no filme ficou bem adaptada e conseguiu trazer muito das HQs pra telona. A produtora conseguiu como em poucos filmes caminhar entre a linha da fidelidade restrita e da absoluta liberdade criativa sem desandar. A quantidade de referências – inclusive às primeiras revistas do Doutor – com certeza deixaram qualquer fã do personagem satisfeito com o que viu.

Resenha-Doutor-Estranho3

Em resumo, o longa conta a origem do personagem e como Stephen Strange passa de um incrível, cético e arrogante médico para o posto de Mago protetor do planeta. Sem grandes forçações de barra e situações impossíveis, a história transcorre tranquila sem nenhum furo que possa deprecia-la.

Resenha-Doutor-Estranho9

É legal ver a demora do personagem em abandonar tudo o que acredita e seguir o conselho de sua anciã para abrir os olhos e aceitar que existe todo um mundo que ele não conhece. E além disso, ele não é aquela pessoa exemplar que aprende tudo de uma hora pra outra. Ele demora pra conseguir executar até os feitiços mais simples, assim como outros falham na hora em que ele mais precisa.

Resenha-Doutor-Estranho4

Agora se você precisa de um motivo extra pra ir ao cinema, vá pra curtir os efeitos especiais do filme! Investe e assiste em 3D. Em IMAX se for possível. Garanto que vai valer a pena, é um dos poucos filmes da minha vida em que posso afirmar que o 3D muda tudo! Não é à toa que está rolando até um papo de que esse pode ser o primeiro longa da Marvel a ganhar um Oscar – por seus efeitos especiais.

Resenha Doutor Estranho6-267

E o que dizer sobre Benê (para os não íntimos, Benedict Cumberbatch)? Ele foi desenhado pro papel e consegue conquistar o público mesmo enquanto ainda é um médico daqueles que dá vontade de socar. Conforme o personagem se humaniza e vai rolando a tal identificação, você nem lembra que ele é o Sherlock e acredita que ele sempre foi Stephan Strange e que você sempre adorou ele!

Resenha-Doutor-Estranho7

O único ponto a considerar aqui é que nos quadrinhos o Doutor é um cara extremamente sério – também pudera, ele já viu e passou por situações que absolutamente nenhum herói jamais chegou perto de enfrentar. Então, não gostei muito de vê-lo fazendo piadinhas (mas afinal, essa é a fórmula Disney que deu certo, né?). Ainda que não seja nada exagerado e tenham sido bem mescladas com os momentos de tensão, particularmente eu preferia que o alivio cômico ficasse por conta de outros personagens.

Resenha-Doutor-Estranho8

No mais, a apresentação do multiverso, o aparecimento de outra Joia do Infinito e a introdução de Dormammu – já tinha cantado a bola de que ele seria o vilão principal desde que vazaram as primeiras imagens, lembram? – não foram atoa! Podem apostar que vocês irão ouvir falar muito desses assuntos no futuro!

Doutor Estranho ganha fácil 8 de 10 Olhos de Agamotto e ainda leva um manto da levitação com personalidade própria de brinde! xP

Não assistiu ainda? Corre pro cinema! Já viu? Me conta o que você achou aí nos comentários!