Escolhidos para você

3 posts encontrados na tag charada

Lembram que o Diego contou, nesse post aqui, sobre Batman: Return of the Caped Crusaders, a mais nova animação a ser lançada pela Warner Bros. Home Entertainment em conjunto com a DC Entertainment?

Batman-Return-of-the-Caped-Crusaders1

Pois bem, hoje foi liberado o trailer oficial da animação, que traz de volta às telinhas o clássico Batman e Robin dos anos 60, com as vozes icônicas de Adam West, Burt Ward e Julie Newmar. Confiram:

Também foi divulgada a sinopse oficial: “Estamos de volta aos anos 60 com Batman e Robin entrando em ação quando Gotham City é ameaçada por um quarteto com os mais diabólicos inimigos do Batman – o Pinguim, o Coringa, o Charada e a Mulher-Gato. Desta vez, os quatro supervilões combinaram seus maléficos talentos para criar um plano tão perverso que a Dupla Dinâmica terá que ir ao espaço (e voltar) para enganar seus inimigos e restaurar a ordem em Gotham City. É uma verdadeira aventura fantástica que irá colocar o bem contra o mal, o bem contra o bem, o mal contra o mal… E terá duas palavras que aumentam exponencialmente as apostas para ambos os lados: Raio Replicador. Santa Multiplicação, Batman!”.

Batman-anos-60

O lançamento em Digital HD está previsto para 11 de outubro e em Blu Ray para 1º de novembro lá nos EUA!

Santa Feira da Fruta, Batman! Preciso assistir isso!

E vocês?

Por Rafael Borges

As premissas da criminologia ditam que cada criminoso desenvolve uma estratégia própria de ação e se mantém fiel a ela em os seus atos ilegais. A ideia é que um ladrão de bancos não se torna um sequestrador do dia para a noite, a menos que exista uma razão para isso. E que, em circunstâncias normais, um atirador não vai assassinar uma vítima a facadas.

Batman Charada

Esse padrão é conhecido como modus operandi e pode ajudar na identificação e apreensão de um suspeito, além de poder determinar uma ligação entre crimes diferentes.

Nenhum outro criminoso do planeta leva tão a sério seu modus operandi quanto o Edward Nigma. Obcecado por enigmas e adivinhações durante toda a sua vida, ele é impelido a deixar uma pista em forma de charada para marcar cada crime que comete.

Batman-Charada-1

Em seu raciocínio doentio, o Charada acredita que os mistérios que ele cria só podem ser desvendados por sua própria mente genial. Sua arrogância é tamanha que ele não vislumbra a possibilidade de que outra pessoa possa ser capaz de compreender seus enigmas.

Batman-Charada-2

O problema é que está mais do que provado que essa crença é ilusória. Afinal, o Homem-Morcego sempre consegue decifrar as pistas ocultas nas charadas aparentemente inofensivas criadas pelo vilão – ele não seria considerado o maior detetive do mundo se não fosse capaz de fazer isso, certo?

Batman-Charada-3

O Batman sempre consegue encontrar a forma correta de interpretar as pistas, desmascarando os esquemas ilegais do Charada e levando o criminoso à justiça. E, tendo sido considerado legalmente insano, ele sempre retorna ao Asilo Arkham para o tratamento de sua compulsão.

Batman-Charada-4

Mas, se a sina de Edward Nigma é ser a eterna vítima das sementes da derrota que ele mesmo faz questão de plantar, o que o leva a continuar fazendo isso? Por que ele não interrompe esse círculo vicioso, usando seu intelecto privilegiado para orquestrar crimes ainda mais complexos e que não envolvam o ato de deixar pistas em forma de enigmas, já que isso acaba sempre resultando em sua própria derrocada?

Batman-Charada-5

Na mente do Charada, a resposta é evidente: de que adiantaria arquitetar um crime com status de obra-prima, se não for possível marcá-lo com a sua assinatura?

Por Rafael Borges

Dizem que é possível avaliar um herói pelos seus adversários. No caso do Batman, isso é particularmente verdade. O Homem-Morcego reuniu para si a melhor galeria de vilões das histórias em quadrinhos. Antagonistas que são capazes de rivalizar em popularidade com o herói e – algumas vezes, até roubar a cena.

Batman-inimigos-1

Desde a tradição do “vilão especialmente convidado da semana” – no clássico seriado dos anos 60 com Adam West – os criminosos de Gotham City mostram que merecem todo o destaque que conquistaram. Se você tem alguma dúvida sobre isso, é só pensar na lista de astros de primeiríssima linha que foi escalada para interpretar esses personagens no cinema e na TV.

Batman-inimigos-2

O Detetive Encapuzado já teve de encarar de tudo. Desde o Príncipe Palhaço do Crime até a mais charmosa Ladra Felina que já existiu. Da esquizofrenia aguda de um assassino com o rosto bifurcado aos jogos mortais de adivinhação de uma mente obcecada. De armas letais disfarçadas no formato inocente de um guarda-chuva até um boneco de madeira com aspirações mafiosas.

Batman-inimigos-3

Esses adversários foram cuidadosamente criados com o objetivo de expor as diferentes facetas da personalidade do próprio Batman. Para cada crime insano do Coringa, somos lembrados da obsessão do próprio Homem-Morcego. Em cada roubo compulsivo da Mulher-Gato, lembramos que o herói é abriu mão de sua vida romântica pela sua própria compulsão pelo combate ao crime. Os traumas que motivam as ações doentias do Duas-Caras remetem ao fato de que Bruce Wayne jamais superou a tragédia que marcou sua vida.

Batman-inimigos-4

Além disso, esses personagens foram criados para explorar as fraquezas e virtudes do herói. Afinal de contas, ele vai se provar ainda mais hábil do que poderíamos pensar quando derrota um plano maquiavélico de destruição mundial de Ra’s Al Ghul. Passamos a acreditar ainda mais em sua mente brilhante todas as vezes em que ele é o único capaz de decifrar os enigmas do Charada. E nada pode ser melhor para a reputação de um homem de ação do que derrotar com os próprios punhos uma criatura monstruosa como o Crocodilo.

Batman-inimigos-5

O fato é que os inimigos do Homem-Morcego são parte integrante de sua mitologia e, sem eles, ele talvez tivesse não tivesse se tornado um dos mais importantes personagens da cultura ocidental.

O Super-Homem pode ter seu Lex Luthor com sua mente brilhante para enfrentar a força bruta do Homem-de-Aço. Os X-Men podem ter o Magneto, cujo poder rivaliza aos dos heróis mutantes na mesmíssima medida em que suas ideias a respeito das questões raciais se contrapõem às do Professor Xavier.

Mas apenas o Batman possui um grande vilão para enfrentar a cada dia da ano.