Escolhidos para você

Os Heróis mais poderosos da Terra não conseguiram impedir Thanos de reunir as Pedras do Infinito, que ele usou para destruir metade da população do universoNebula estava entre aqueles que sobreviveram após os eventos de Guerra Infinita, deixando ela e Rocket como os únicos Guardiões restantes sozinhos com Tony Stark. Ela não terá escolha senão trabalhar com os heróis e finalmente entender o verdadeiro valor da família. 

E mais uma vez a Hot Toys cria um figure incrível. Desta vez eles irão lançar a irmã adotiva da Gamora – Nebula em uma escala colecionável de 1/6.

NEBULA POR HOT TOYS

A figura é cuidadosamente trabalhada com base na atriz Karen Gillan e tem um acabamento meticuloso. Apresentando uma cabeça recém-desenvolvida com detalhes cibernéticos; um corpo recém-desenvolvido destaca o braço protético da Nebula revelando partes mecânicas complexas, macacão de Ravenger perfeitamente adaptado com texturas finas, armas icônicas, incluindo blaster e bastões, acessórios de efeito relâmpago acopláveis ​​aos cassetetes, um suporte para figuras com tema de filme e um cartão gráfico intercambiável. Mas chega de falar e vamos para as fotos que eles publicaram no site e que estão incríveis.

Mais da Personagem Nebula

Nebulosa (no original, Nebula) aparece nos quadrinhos americanos publicados pela Marvel Comics . Criada por Roger Stern e John Buscema, apareceu pela primeira vez em The Avengers # 257 (julho de 1985). Uma ciborgue pirata e mercenária que opera no espaço sideral; a personagem frequentemente aparece como inimigo dos Vingadores, Guardiões da Galáxia e Surfista Prateado .

Nebula apareceu em várias adaptações dos quadrinhos da Marvel, incluindo séries animadas de televisão e videogames . Karen Gillan retrata o personagem no Universo Cinematográfico Marvel, começando com o filme Guardiões da Galáxia, de 2014, e sua sequência de 2017, Guardians of the Galaxy Vol. 2 Ela reprisou o papel no filme de 2018 Avengers: Infinity War e no filme de 2019 Avengers: Endgame . Nos filmes, ela passou de vilã para anti-heroína, antes de se tornar genuinamente heróica.

Quinta-Feira passado lançou o mais novo live action da Disney, o tão polêmico Aladdin. Estrelando Mena Massoud como Alladin, Naomi Scott como Jasmine, Marwan Kenzari como Jafar e ninguém mais, ninguém menos que Will Smith como o gênio. Vou resenhar da melhor forma possível e sem spoilers para você, quais foram minhas impressões sobre o filme.

SOBRE O FILME

Primeiramente gostaria de dizer que o filme é IN-CRI-VEL! Começando pelo elenco que foi super diversificado e deixou o filme muito rico. Como Agrabah é uma cidade fictícia que parece ser ali na região da arábia, foi incrível ver como a Disney realmente se esforça em trazer elementos visuais e culturais dessa região. Todo o figurino, é incrível, todas as danças são lindas e com vários passos também tradicionais dessa região do oriente médio.

Agora um ponto crucial para mim, as músicas! A Disney finalmente aprendeu que se não mexer nas musicas, todo mundo fica muito feliz, não só pela nostalgia, mas por que elas são uma parte muito importante dos seus filmes. Agora, só o tio Mickey para juntar musica árabe com hip-hop é ficar ótimo! Continue assim Disney, não mexa nas minhas músicas!

Gostamos de poder cantar junto no filme! A Musica do Gênio (Amigo como eu) e do Príncipe Ali receberam uma nova mixagem que  claramente foram feitas pelos Will, que esta de parabéns! Jasmine ganhou também uma música só para ela, que é pra lá de emociante, e isso era um ponto que eu nunca entendia, a Jasmine era a única princesa que não tinha um solo, todas as outras tinham, apenas ela que não! Então fiquei muito feliz em ver Naomi cantar sozinha, ainda mais uma musica tão bonita e que reflete muito a questão da mulher no oriente médio.

E O GÊNIO?

Agora vamos falar do elefante na sala. O Gênio azul é tosco? NÃO! Sério, eu nem liguei quando vi ele azul, ficou muito legal, e não chega a incomodar. Tirando que Will teve um enorme respeito pelo personagem e legado de Robbins Williams. Ele continua fazendo as maluquices do Gênio de Williams o que nos deixa muito saudosos; porém com adições pessoais de Smith que ficou incrível.

O único ponto que chegou a me incomodar durante o filme, foi o Jafar. Ele não me lembrou em quase nada o personagem original. O figurino dele é incrível, mas a atuação do ator, que apesar de boa, não ficou bem de Jafar. Queria que ele me desse medo e que tivesse risadas mirabolantes e canta-se também, assim como no desenho. Uma das minhas partes favoritas do Jafar é quando ele canta a musica do Príncipe Ali e já emenda em uma risada, e eu senti falta disso. Além da cobra gigante, mas né… deixa pra lá. Para mim, os vilões da Disney são uma parte tão icônica quanto as princesas, e eu não senti que o Jafar ficou tão impactante, uma pena.

Em resumo, o filme é incrível! os efeitos são incríveis, e a história esta muito emocionante. Já quero ver de novo!

Boa noite, hoje falarei do Mario Kart Tour, que chegará em breve, direto no seu celular. Mario Kart Tour é a aposta de mais um jogo mobile por parte da Nintendo. Nele você terá as mais diversas funções da série Mario Kart, adaptadas para a versão mobile e poderá jogar a qualquer hora e em qualquer lugar.

Como funcionará

Até o momento, o que se sabe é basicamente mera especulação. Um vídeo de gameplay teria vazado na Internet, mostrando personagens, carros e pistas jogáveis. Incluindo aí também uma corrida inteira em uma clássica pista do Mario Kart do SNES.

Todavia, de fato é muito intrigante pensar como o jogo funcionará no celular. Digo isso porque, apesar de o Mario Kart não usar e abusar de todos os botões de um controle de video game, no celular não há botões.

Sendo assim, como ficará a questão de aceleração, freio, drift e direcionamento do kart? Ao mesmo temo será preciso utilizar os itens que estão presente no jogo. Como será sua ativação? São questões básicas que estão rondando minha mente.

Na gameplay vazada é possível inferir algumas coisas. Por exemplo, a direção do kart é visualizada com uma seta. Entretanto, penso eu, e considerando os celulares mais modernos, o jogo poderia se utilizar de giroscópio para direcionamento do kart. Logo, restaria ao toque na tela ativar o item e utilizá-lo, porém faltaria a função de como será feita a aceleração, freio e drift… sem contar os jumps.

Por outro lado, apesar das adaptações, o jogo parece muito bonito graficamente. É fiel aos modelos do console, e  contará com sistema de ganhos de moedas. E por fim, certamente contará com microtransações ou então adquirido por um único pagamento no store do celular e com uma moeda própria interna. Semelhante ao que ocorre com o jogo do Mario e outros mobiles da Nintendo.

A previsão é que o jogo seja lançado entre junho e setembro.