Escolhidos para você

E lá vamos nós outra vez! Primeiro post do ano e quando eu estava terminando de escrever eu perdi ele todinho! “Alô, é de 2019? Cê deixou um rabo de coisa ruim aqui pra trás, venha buscar, por favor!”. Bom, novo ano (não nova década, né Clay?) chegou e junto com ele chegou a hora de que? Maratonas! Não, não! Não aquelas de correr, que nem São Silvestre! Maratonas de filmes! Então nesse post eu vou te dar 5 motivos para maratonar Harry Potter nessas férias!

Era meu hábito, todo ano, encerrar a época de Natal/ Ano Novo maratonando os filmes de Harry Potter e iniciar o ano relendo todos os livros. Mas em 2018 eu quebrei a corrente e 2019 foi o que foi, então esse ano, apesar de não ter maratonado os filmes, estou iniciando já a leitura de Pedra Filosofal pra tentar garantir aquela vibração boa haha. Apesar do que muitos pensam, maratonar filmes que você já assistiu pode ser bem legal e te dar uma visão bem diferente das coisas. Eis alguns motivos pelos quais você deveria maratonar Harry Potter:

1. Rever conceitos

É muito interessante quando você reassiste ou relê Harry Potter e nota ou que entendeu algo que não havia entendido ou prestado muita atenção no passado, ou que alguma atitude com a qual você concordava você passou a discordar. Acontece muito! Afinal, você cresceu, passou por coisas na sua vida, situações que te tornaram mais empático com outras pessoas, ou que fizeram você ver que nem tudo é preto no branco como a maioria dos adolescentes pensa que é. A vida é cheia de cores e “porém’s” e isso se reflete muito quando você revisita cada “moral” aplicada em Harry Potter com novos olhos e nova cabeça.

2. Erros de gravação

Vai dizer que você nunca notou os erros de gravação nos filmes de Harry Potter? Eles são mais comuns em Pedra Filosofal e Câmara Secreta, pois, foram os filmes com os atores mirins mais inexperientes e com menor investimento total. A mais clássica pra mim é a “mão misteriosa com o relógio de ouro” que aparece em Pedra Filosofal segurando as costas da roupa do Rupert para que ele não saia andando na hora errada e atrapalhe a fala dos colegas de cena.

3. Cronologia

Em franquias grandes, como Harry Potter, que possui oito filmes, é comum assistir os filmes com um intervalo grande entre eles, o que as vezes deixa você sem muito parâmetro para perceber a evolução dos personagens e dos atores em cena. Dessa forma, talvez você mal tenha notado que em Relíquias da morte parte 2 houve um grande trabalho de maquiagem em Alan Rickman para gravar as cenas dos pensamentos de Severo Snape, pois, ele precisaria parecer quase vinte anos mais jovem, de modo que a cena linkasse com as demais dele naquela época que já apareceram em outros filmes.

4. Personagens secundários e cenários

 Quando você maratona uma saga como Harry Potter, você tem a possibilidade de dar mais atenção a personagens secundários, nos quais você não reparou muito de primeira, e que as vezes aparecem muito pouco em cada filme, mas que num todo, condensado, se mostram muito importantes. Tem a possibilidade notar também as sutis mudanças de cenário (como a sala comunal da Grifinória, o retrato da Mulher Gorda, o próprio Castelo de Hogwarts, etc) e consegue comparar também como a atmosfera (luz, fotografia, vestuário) mudam de filme em filme dependendo as vezes do diretor responsável (como na transição de Câmara Secreta para Prisioneiro de Azkaban) ou do próprio enredo.

5. É Harry Potter, né!

Quinto e último motivo para você maratonar Harry Potter é simplesmente porque É HARRY POTTER! A saga está no hall de uma das mais “maratonáveis” da história. Então pega lá a pipoca, se joga no sofá, chama ozamigo e azamiga Potterhead (e os que ainda não são também!) e BOA MARATONA!!!

Bônus

Vocês viram que a Netflix disponibilizou Harry Potter e a Ordem da Fênix, Enigma do Príncipe e Relíquias da Morte parte 1 no catálogo nacional, para somar com Relíquias da Morte parte 2 que já fazia parte do catálogo há algum tempo? Tá esperando o que? (não vale dizer que está esperando eles disponibilizarem os outros quatro heim haha).

 

Bora maratonar, então?

Que 2020 seja um ano mágico para todos nós pessoal! 😉

Beijos e até a próxima!