Escolhidos para você

As aventuras das irmãs Elsa e Anna são sucesso desde o lançamento do primeiro filme em 2013. Tanto que as duas nem fazem parte da franquia Princesas Disney, e sim possuem uma franquia própria chamada Frozen (quem pode, pode!). Na semana passada, a sequência Frozen II estreou nos EUA e Europa, e é claro que o tio Mickey já esperava encher os bolsos, mas até ele se surpreendeu, pois o filme superou as expectativas e não só foi um sucesso estrondoso como também quebrou recordes!

Em sua primeira semana, Frozen II arrecadou mais de 350 milhões de dólares em bilheteria. Isso o torna a animação com a maior estreia global da história do cinema. Até então, quem detinha o título era A Era do Gelo 3.

Um detalhe importante que vale ressaltar é que Frozen II ainda não estreou no mundo todo, ou seja, esse valor ainda pode triplicar! No Brasil, por exemplo, o filme só chega aos cinemas em 2 de janeiro com o comediante Fabio Porchat reprisando sua versão nacional do amado boneco de neve Olaf.

Originalmente, Frozen é baseado no conto do escritor dinamarquês Hans Christian Andersen “A Rainha da Neve”. Na versão Disney, a rainha da neve é Elsa, que precisa aprender a controlar seus poderes e, para isso, decide se isolar nas montanhas. Sua irmã mais nova, a princesa Anna, não aceita esse isolamento e acredita que pode ajuda-la, então vai atrás dela contando com o apoio de Kristoff e sua rena Sven e o boneco de neve Olaf. A história acabou se desenrolando em mais três curtas metragens que mostram o relacionamento das irmãs, agora governantes do reino de Arendelle. O novo filme, Frozen II, chega para nos mostrar a origem dos poderes de Elsa.

Enquanto Frozen II não chega por aqui, assista ao trailer abaixo e ouça a trilha sonora, que conta com nomes como Aurora e Panic! At The Disco, clicando aqui!

  1. […] tem tudo a ver com o Natal, né?! O segundo filme da franquia já chegou quebrando recorde nos EUA (leia mais aqui) e estreia no Brasil em 2 de janeiro, mas as irmãs Elsa e Anna estarão por lá antes, nos dias 4 […]