Escolhidos para você

Olá pausadores, é chegado o dia. Hoje ocorre o lançamento de Pokémon Let’s Go Pikachu/Eevee, o mais novo jogo da série, para Nintendo Switch, que promete redescobrir as origens dessa série já consagrada. Como de costume, duas versões do mesmo jogo estão disponíveis para os jogadores escolherem.. Cada uma com suas particularidades, mas com a mesma gameplay.

Pokémon Let’s Go Pikachu/Eevee trará a região de Kanto e você tem a opção por iniciar sua jornada com Pikachu ou Eevee como amigo. Passar por todas as rotas e encontrar monstrinhos soltos mundo afora. Desta vez eles estarão visíveis no ambiente e você poderá inclusive utilizar um controle específico para o game. A pokéball plus controller. Ela funciona no mesmo esquema que uma pokébola do game. Fingir arremessá-la é o meio para se capturar novos pokémons. Claro, isso não é obrigatório, mas sim uma maneira de ficar mais imersivo no jogo.

Desta vez há uma lista de pokémons que você poderá usar de montaria, dentre eles. Charizard, Aerodactyle, Starmie, Rapidash e até o Hunter são um exemplo. Isso ajudará e muito no deslocamento pelo mapa. Os esquemas e estratégias serão cruciais nas batalhas mais pro-player. E ainda será possível realizar um co-op game; este por sua vez equivaleria a um “modo fácil” do jogo. Você poderá entrar praticamente em qualquer batalha junto com um amigo. Veja isto como uma maneira de facilitar para que qualquer pessoa possa jogar e se divertir com o game, desde seu irmãozinho até a sua avó.

O que esperar para um jogo futuro?

Todavia, Pokémon Let’s Go Pikachu/Eevee ainda não seria o que os fãs mais calorosos esperam da Pokémon Company e da Game Freak. O grade jogo certamente ainda está por vir, talvez ainda em 2019 ou no mais tardar no fim dele ou começo de 2020. O atual lançamento ainda possui uma interação com Pokémon Go. Permite que você passe seus monstrinhos para o jogo do Nintendo Switch e depois os capture em uma zona de safari particular.

Como eu já havia pensado, este jogo servirá para manter um hype nos players, e preparar o terreno para o próximo Pokémon. Claro que dentro do atual, muitas mecânicas e processos aqui inseridos servirão como um teste. A questão da integração com Pokémon Go também é muito relevante. E, após 20 anos de franquia, o que vejo aqui é uma busca por novos horizontes, um recomeço. Atrair a nova geração de players. Com isso fico remoendo, o que falta para eles inventarem agora?

É isso aí, pretendem comprar o jogo? Deixa aí nos comentários.